Total de visualizações de página

terça-feira, 24 de dezembro de 2013

Há dez anos atrás

Há exatos dez anos atrás eu passava o dia mais triste da minha vida: passei o Natal de 2003 sozinho, numa cidade litorânea. Eu e um peru que comprei para comer. Deixei a ave assando no forno, desci, andei pela praia e voltei. Antes de comer, orei e perguntei ao Senhor o que estava acontecendo comigo. Não lembro de ter recebido uma resposta.

Mas quanta tristeza. Não tinha ninguém com quem dividir. Mas eu também não tinha nada para dividir. Vivia um verdadeiro deserto. Não tinha esperança de nada mais: triste com minha igreja local, pouquíssimos amigos, profissão sem perspectiva, sem namorar já fazia muito tempo. Enfim, dava dó!

Depois de ter comido uns pedaços do Peru, desci para a praia a fim de ver alguém. Vi algumas pessoas, mas a tristeza continuava dentro de mim. Resolvi voltar para o apartamento e dormir. No dia seguinte, logo cedo, esquentei um pouco da carne do peru do dia anterior, comi meu café da manhã. Organizei o lixo, e sobrou muita carne, joguei fora, peguei minha mala e voltei para casa. Nada tinha mudado. E daquela experiência, pelo menos naquele momento, não tirei nada de útil.

Hoje, 2013, dez anos depois, estou na mesma praia, no mesmo apartamento, só que acompanhado da minha esposa e meus sogros. Como louvo a Deus por Ele ter colocado essas pessoas na minha vida! Como sou feliz ao lado deles! Deus restaurou minha alegria. Quase não tenho lembrança daquele fatídico Natal de 2003.

No Natal lembramos o nascimento de Jesus Cristo - ainda que na Bíblia não tenha essa prescrição. Mas Ele nasceu para morrer. E Ele morreu para me salvar, para me colocar no caminho do céu. Se não fosse por Ele, diretamente e na vida dos que estão comigo hoje, certamente eu não estaria aqui. É só porque Ele morreu e decidiu me amar é que estou aqui.

Bendito seja o Senhor Jesus Cristo e que Ele nasça no coração dos Seus eleitos! Feliz aniversário do Senhor Jesus Cristo!!!!! 

Nenhum comentário: